Pessoas com dermografismo podem fazer tatuagem?

Oioi, gentem! Tudo bem?

Um dos posts mais acessados aqui do blog é o que eu falo sobre dermografismo, doença de pele que eu tenho. Muitas pessoas me mandam email perguntando se quem tem dermografismo pode fazer tatuagem, se tem que ter algum cuidado em especial ou se gera algum problema para a pele. Então resolvi contar um pouco minha experiência com tatuagem tendo dermografismo.

Pra quem não sabe, ou não viu o post onde eu falei sobre isso, um dos sintomas do dermografismo é o aparecimento de vergões na pele, caso ela seja pressionada de alguma forma. Além disso, o local coça bastante, tipo muito mesmo. E a pele fica assim:
Dermografismo - Tatuagem
Acho que é por isso que muita gente têm dúvida se pode fazer tatuagem tendo dermografismo. Tatuagem é linda, porém, é uma agressão que está sendo feita à pele.

Só lembrando que vou contar a minha experiência. Se vocês têm dermografismo e pretendem fazer tatuagem, consultem seus dermatologistas, ok? :))

Quando fiz minha primeira consulta com a dermato pra saber qual era o meu problema e ela me contou que era dermografismo, eu perguntei se eu poderia fazer tatuagem. Ela me aconselhou a não fazer, mas não disse os motivos, nem prós nem contras de se fazer uma tatuagem tendo a doença. Só disse: não faça.

Fiquei com medo, mas não deixei de fazer por conta disso. Fui com a cara e a coragem e, caso desse problema, iria arcar com as consequências da minha escolha.

Enquanto eu tomava remédio, não tive problema nenhum em relação à cicatrização. A tatuagem não ficou feia, não inflamou e a cicatrização foi tranquila. Quando parei a medicação, que eu conto lá no outro post, algumas partes de duas tatuagens ficaram em alto relevo. Mas eu não vejo isso como um problema, pois não afetou o desenho e só dá pra perceber quando passa a mão.

Pra mim, o maior problema é a cicatrização. A área normalmente vai coçar enquanto está cicatrizando e, pra uma pessoa com dermografismo, que tem a coceira como sintoma, vai sentir isso de forma dobrada até triplicada. É simplesmente horrível. Coça demais, gente! E o pior, não pode coçar, pois o local está machucado e, se coçar, vai machucar ainda mais. Então eu usei e abusei da água termal, que ajudava bastante a acalmar a pele.

Os cuidados são os mesmos pra todo mundo: não coçar a área, cuidar na alimentação pra evitar inflamações, não arrancar as casquinhas, não usar roupa apertada na área, entre outros. Eu também usava muita água termal e Bepantol pra ajudar na cicatrização.  Siga sempre as instruções do seu tatuador.

É isso, gente. Algumas pessoas me falaram que têm medo de fazer tatuagem, ter alguma reação e o desenho ficar horrível. Então não façam como eu. Falem com seus dermatologistas, tirem suas dúvidas, perguntem os prós e contras de se fazer tatuagem, se pode fazer, enfim. :))

Espero ter ajudado! :)) Ah! As fotos do post não são tatuagens minhas, ok? :))

Alguém tem dermografismo e também tem tatuagem aí? Conhece alguém que tem a doença? Compartilha com ele!

Beijo! =*

UPDATE 31/10:
Hoje vim falar de um ponto que passou batido quando eu fiz o post. Às vezes eu tenho crise de coceira em duas tatuagens. Isso acontece no máximo uma vez no mês e nunca nas duas tatuagens ao mesmo tempo. Elas coçam ao extremo, muito mesmo. E, se eu coçar, o desenho inteiro da tatuagem fica em alto relevo. Só dá pra perceber se passar a mão, porém a sensação é bem estranha quando eu passo a mão e sinto a tatuagem toda em alto relevo. Daí tenho que manter o controle pra não coçar, que em 10, 15 minutos a pele volta ao normal. Como já disse anteriormente, não tive problema nenhum com nenhuma tatuagem, a não ser no processo de cicatrização. O desenho não deformou, não estourou linha nem nada. :)
► Acompanhe o blog nas redes sociais:

20 comentários:

  1. Nunca tinha visto falar sobre dermografismo.
    Adorei o post com certeza vai ajudar muitas pessoas
    que tem dúvidas.

    http://maisdicassempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Volmara. A intenção é essa mesmo, de trocar experiências com pessoas que também têm dermografismo.

      Bjos

      Excluir
  2. bom dia amei seu post eu tenho dermografismo e tenho tatuagem meu novo desafio que será fazer uma cirurgia que tanto desejo e meu médico disse igual à sua :não faça! ;(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Ju. Fico feliz que tenha gostado do post.
      É bem complicado quando um médico fala isso, né? Tenta ver outra opinião de outro médico.
      Eu fiz a tatuagem por ser um procedimento beeem mais leve se comparado a uma cirurgia. Não sei o que eu faria no seu caso =/

      Bjos

      Excluir
  3. Olá muito bom seu post!!!. Quero muito fazer uma tatuagem pequena,más tenho muito medo do que pode resultar, meu demartologista aconselhou que não :/.Sua tatuagem ainda está em relevo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oioi. Obrigada! :)
      A minha dermato também aconselhou a não fazer. Mas fiz e vou continuar fazendo, kk.
      Sim, ela está em relevo ainda. Mas não é ela toda, sabe? São algumas partes. Porém só se percebe ao passar a mão. Não é algo que me incomoda, pois não prejudicou o desenho, e não tive nenhum problema na pele. Bjo =*

      Excluir
  4. Tem fotos das suas tattoos no seu insta? Se sim qual é seu insta? Eu tenho dermografismo e morroooooooo de medo de fazer tatuagem e ficar borrada ou se espalhar ou ficar inchada pra sempre, mas to louco pra fazer uma tatuagem, na verdade umaS. Pensei em tomar anti alérgico pra ver se não inchava, qual remédio vc tava tomando e pra que ele serve? Teu dermato que indicou?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luan. Tudo bem? Não tem fotos das minhas tatuagens no meu insta, pois nenhuma é aparente.
      Como eu contei no post, comigo não deu nada grave, não modificou o desenho, não espalhou. Só algumas partes (poucas) que ficaram em alto relevo. Mas como eu disse, não é algo que me incomoda, pois as outras pessoas não notam a não ser que elas toquem na tattoo, e não me incomoda porque não interfere no desenho.

      Eu tomei durante muitos anos o Hixizine, que é um anti-histamínico, e servia pra controlar a coceira e o aparecimento dos vergões. Comecei a tomá-lo por indicação da minha dermatologista. Quando eu tomava o remédio, sentia que, no momento que estava fazendo a tatuagem, ela não inchava tanto na hora quanto agora. E todas que eu fiz enquanto estava tomando o medicamento não ficaram com nenhuma parte em alto relevo. :)

      Excluir
  5. Oi Renata, tenho demografismo a muitos anos e sempre tive essa dúvida em questão da tatuagem, já perguntei p alguns tatuadores e eles disseram q não tem problema, mas nunca voltei no dermatologista p perguntar, mês que vem quero colocar piercing, já colocou, ou conhece alguém que tem demografismo que tem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lari. Tudo bem? :)
      Eu tenho piercing também e nunca tive problema com nenhum que coloquei. Tenho no nariz, no tragus e já coloquei o transversal também. O legal é sempre procurar um bom profissional e cuidar direitinho do local que você colocar,

      Bjos =*

      Excluir
  6. Olá, Renata ... voce comentou que fez a tatuagem e ficou em alto relevo, mas depois sua pela voltou ao normal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando a tatuagem está sendo feita, toda a pele fica em alto relevo. Porém depois que cicatrizou, algumas partes da tatuagem continuaram em alto relevo. Mas acredito que tenha acontecido porque o tatuador pesou a mão em alguns momentos.

      Excluir
  7. Olá tbm tenho dermografismo q apareceu aos 30 anos hoje tenho 33, já tomei vários tipos de anti alergicos e não diminui meus sintomas.... Minha última tatoo a tatuadora ficou assustada do tanto que inchou e minou água expliquei pra ela que em no máximo meia hora tudo voltava ao normal, mas ela soh acreditou quando voltei na segunda sessão e a tatoo cicatrizada estava linda.... Sofro muito com isso principalmente para tirar as sombrancelha tenho q ficar escondida casa até desinchar...Rsrs expremer uma espinha então, soh se tiver a certeza que nao oi precisar sair pra fora nem receber visitas... Minha dermatologista disse que tenho que conviver, paciência...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sara, tudo bem? Sei bem como é, viu. Mas o segredo é ter paciência mesmo. Veja meu caso, meus sintomas foram todos embora. O único problema ainda é a questão da cicatrização que é bem demorada e as manchas ficam um tempão na pele o que me incomoda bastante.

      Fiz uma tatuagem uns meses atrás e já fui avisando ao tatuador que a minha pele poderia inchar bastante, e que era normal. Pois não é que não inchou nada além do normal? kkkk Com o tempo os sintomas foram diminuindo e agora eu não sofro como antes.

      Bjos e tudo de bom =*

      Excluir
  8. Você esta sendo minha esperança, faz um mês mais ou menos que começaram isso em mim, e ssou muito ansiosa, muita gente acha q surgiu por causa disso até, mas estou muito estressada com esses sintomas, e alem de que proximo ano iria fazer minha tattoo, e agora pelo visto não vou mais :(, não quuero tomar remedio, por conta das reações, alem de que estou fazendo curso pre vestibular, e o que não posso ter é sono, sei que vc ja falou como se cuida, mas tem alguas dicas pr mim? a partir de que momento vc comecou a ver mudancas?? acha que devo tomar o remdio msm? pq minha derma ela so diz que não tem cura :( to mt mal com isso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, olha só, a minha primeira dermato falou que não tem cura também, mas ela também falou que os sintomas poderiam ir embora de uma hora pra outra, e foi o que aconteceu. Eu comecei a tomar o remédio porque eu não aguentava tanto, mas se eu soubesse o que eu sei hoje, pensaria duas vezes se começaria a tomar ou não. Isso porque quando eu não tomava o remédio eu ficava muito ansiosa, sabe. E aí os sintomas apareciam. Então se tornou algo que era relacionado às minhas emoções. A partir do momento que eu decidi parar de tomar segundo remédio, eu coloquei na cabeça que eu iria aprender a conviver com o dermografismo, porque eu não aguentava os sintomas colaterais do remédio. Foi aí que os meus sintomas começaram a sumir, acredita? Você tem que colocar os prós e os contras na balança, se você acha que o dermografismo está te atrapalhando em vários sentidos, na vida social, pros estudos etc, você pensa se não seria melhor tomar remédio. Quando eu iniciei o tratamento, o remédio era mais leve, porém me deixou com mais sono do que o normal durante umas 2, 3 semanas se não me engano. Depois tudo se normalizou, sabe. Conversa com sua dermato, vê os prós e contras e aí você decide.

      Sobre a tatuagem eu posso falar da minha experiência. Eu fiz tatuagens no auge da doença, quando a pele ficava horrível só de uma triscadinha de outra pessoa. E não tive problema nenhum.

      Eu sei que é difícil, mas você vai conseguir passar por isso. E tenha esperanças, pois os sintomas podem não aparecer mais em você, assim como não aparecem em mim há um tempo. Xêro!

      Excluir
  9. Estou desconfiada que estou com essa doença amanhã vou na dermatologista estou com crise desde domingo pele muito vermelha e irritada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita, Natalia. O ideal é ir no dermatologista mesmo. Depois me conta se é realmente dermografismo. E se for, espero que os meus posts te ajudem de alguma maneira. Um xêro :*

      Excluir
  10. Reh, obrigada pelas dicas, amanha to indo a outro dermatologista, vou levar todos os remedios que tomei ate agora, espero q de jeito, bjs ... sim a dica de manter a calma tbm ta ajudando bastante, realmente quando fico nervosa parece que piora tudo kkkk. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por nada, querida. Estou aqui pra tentar ajudar sempre :). É, mulher, quando eu ficava ansiosa a pele atacava e era um terror. Espero que dê tudo certo quando você for ao dermato, e que você encontre uma medicação que te ajude. Um xêro

      Excluir

Tecnologia do Blogger.